Enquanto as pessoas vibram ao ver fogos de artifício, os animais de estimação sofrem com o barulho. Saiba como amenizar este problema no final do ano.

Os bichos tem a audição apurada e tendem a ouvir os sons mais alto e forte que os seres humanos. Nas festas de Réveillon, eles sofrem ainda mais com os fogos de artifício. De acordo com a veterinária Fabiane Guedes, o barulho não provoca lesões, mas o animal se sente desconfortável e pode até se machucar caso fique sozinho no momento de desespero.

“Eles ficam com muito medo e tentam fugir ou se esconder em qualquer lugar. Alguns se machucam em portas de vidro e janelas”, disse.

Por esse motivo, é importante ficar perto do seu animal de estimação no momento dos fogos, a fim de evitar mais sofrimento.

“Se você não conseguir ficar com o seu bichinho no colo na virada do ano, certifique-se de que ele está em um lugar seguro. Feche as janelas e tente abafar o som da rua o máximo possível”, garante.

Além disso, há outras opções para tentar acalmar seu amigo. De acordo com a veterinária Cláudia Baur, o tratamento homeopático deixa o animal mais tranquilo em momentos como esse:

“Há florais que combatem o medo que podem ser dados com um pouco de antecedência para o bichinho. Mas, sempre é importante saber a opinião do próprio veterinário do cão ou gato”, disse.

 

Recomendações para Cães

– Para abafar o som, colocar cobertores pesados em janelas, no chão ou sobre o animal.
– Não deixar muitos cães juntos, pois, excitados pelo barulho, podem brigar até a morte.
– Distraia o animal, aumentando, aos poucos, o volume do som ou a TV, para acostumá-los com sons altos.
– Procurar um veterinário para sedar o animal que não possam ficar dentro de casa. Animais acorrentados podem acabar se enforcando com a própria corrente.
– Alguns veterinários recomendam tampões nos ouvidos.
– Calmantes naturais.

Recomendações para Gatos

– Ceda um quarto com cama e armário aberto ou faça tocas com cobertores, formando abrigos confortáveis. Os gatos devem ficar todo o tempo recolhidos nesse quarto, onde se sentirão mais seguros.
– Colchas, colchões e cortinas nas janelas abafam os estrondos dos fogos.
– Retire qualquer objeto que possa ser quebrado pelo animal.
– Deixe água e comida nos cantos para evitar sujeira.
– Se os seus gatos vivem soltos na rua, recolha-os com antecedência e proceda da mesma maneira.