Pois é, gente… mais um caso absurdo de maus-tratos ocorreu no nosso país. Na noite de ontem, uma cachorrinha linda foi encontrada enterrada viva em Vera Cruz, no Vale do Rio Pardo. Um casal estava passando pelo local e viu um animal apenas com a cabeça do lado de fora, o resto estava embaixo da terra. O Corpo de Bombeiros foi até a região e resgatou a cadela da raça pastor alemão. Ela tem aproximadamente 8 anos de idade e foi levada até a Associação Mãos e Patas. De acordo com a veterinárias Juliana Sauerssig, que concedeu entrevista para a Zero Hora, ela está sendo medicada e segue em estado delicado.

O que falar sobre um caso no qual a pessoa abre um buraco na terra e enterra um animal vivo? Não há o que falar! Sou jornalista, durante anos trabalhei em um veículo de comunicação onde criei uma coluna sobre bichos a fim de conscientizar as pessoas do quão importante é mantê-los saudáveis e longe das ruas. Depois, criei a Confraria do Pet, um espaço para divulgação de animais abandonados, recolhidos das ruas.

Há muitas protetoras espalhadas por aí que pegam estes animais, pagam contas caríssimas nos veterinários e os deixam lindos para que ganhem um lar. E graças a páginas como a Confraria do Pet, e tantas outras que existem na internet, eles conseguem um dono de verdade. Aqui eu estou falando de um dono que sabe dar amor e carinho para estes animais.

Sinceramente, o único animal que vejo nesta história toda é o pobre ser humano que enterrou a Bela, achando que ela ia morrer ali.

A luta é brava! Quem fez isso não pode ficar impune!

 SAIBA COMO AJUDAR A BELA:

Quem quiser ajudar a Bela pode contribuir com doações em dinheiro ou em ração e medicamentos. Os contatos são: clínica Universo Animal pelo telefone (51) 3718 2848 ou com a Associação Mãos e Patas (51) 9995-2033.